Marinha e Henrique Prata buscam credenciamento do Hospital do Câncer da Amazônia

Nesta quarta-feira (16) a deputada federal Marinha Raupp e o presidente da Fundação Pio XII, Henrique Prata, estiveram com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, dando prosseguimento aos procedimentos para o credenciamento da Fundação Pio XII como mantenedora do Hospital do Câncer da Amazônia. Participaram da reunião o Secretario de Atenção a Saúde (SAS), Francisco de Assis; o diretor do Departamento de Atenção Especializada e Temática da SAS, Fernando Machado de Araújo e o coordenador do Departamento de Atenção, Sandro José Martins.

A deputada Marinha Raupp voltou a reforçar a necessidade de credenciar a Fundação o mais breve possível para garantir que o Hospital de Câncer da Amazônia possa atender integralmente a população de Rondônia e da Região Amazônica. “Agradecemos ao ministro da saúde, Ricardo Barros, que designou uma equipe técnica que esteve na última semana, em Porto Velho. O comprometimento do ministro da saúde está sendo fundamental para os avanços que temos conquistado nesta caminhada”, destacou a deputada.

Desde o 1º de agosto o Hospital está funcionando com consultas, tratamento com quimioterapia e coletas de sangue. O atendimento de todas as etapas do tratamento de câncer assegura que o paciente possa passar este momento difícil perto de sua família. A deputada explicou ao ministro que a fundação Pio XII já é uma referência no tratamento do câncer no Brasil, e que o credenciamento do Hospital da Amazônia vai fortalecer ainda mais esse trabalho.

“A habilitação está caminhando rápido. Essa parceria do Governo do Estado, com o Governo federal e a deputada Marinha só somam para melhoria da saúde”, disse o diretor da SAS, Fernando Araújo que integrou a equipe técnica que esteve na semana passada com a deputada Marinha Raupp em Porto Velho visitando as instalações do hospital.